Martinho Campos na Onda Vermelha

Notícias

Martinho Campos na Onda Vermelha

A Prefeitura Municipal de Martinho Campos comunica a toda população as novas diretrizes de funcionamento dos estabelecimentos durante a fase da onda vermelha do Programa Minas Consciente: 

Para maior esclarecimento dos comerciantes, assim como de toda a população de Martinho Campos, vimos por meio deste informativo esclarecer quais setores, e de que forma, poderão funcionar durante esta nova fase de enfrentamento da pandemia de Covid-19. 
 

Podem funcionar, seguindo as regras de distanciamento social, uso de máscara e oferecendo álcool para desinfecção: 

– Supermercados, padarias, lanchonetes, lojas de conveniência; 
– Açougues, peixarias, hortifrutigranjeiros; 
– Farmácias, drogarias, lojas de cosméticos, lavanderias, pet shop; 
– Bancos, casas lotéricas, cooperativas de crédito; 
– Vigilância e segurança privada; 
– Serviços de reparo e manutenção; 
– Lojas de informática e aparelhos de comunicação; 
– Hotéis, motéis, campings, alojamentos e pensões; 
– Construção civil e obras de infraestrutura; 
– Comércio de veículos, peças e acessórios automotores. 
– Serviços de ambulantes de alimentação; 
– Serviços do Setor da Agropecuária; 
– Serviços de Saúde 

 

Podem funcionar, com entregas em delivery e retirada no local: 
– Bares e restaurantes;  

Podem funcionar, apenas com entregas em delivery: 
– Comércio em geral;  

Observações:  

1 – Limpeza e Higienização: É necessária uma higiene adequada e regular (lavar as mãos, antebraço e rosto, principalmente), realizar limpeza do ambiente (pisos, maçanetas, mesas, etc.) e dos objetos. Deve haver frascos ou recipientes de álcool 70% disponíveis na entrada dos estabelecimentos;  

2 – Proteção e uso de máscara: Será obrigatório o uso de máscaras por todos aqueles que estiverem dentro dos estabelecimentos, funcionários ou clientes. A empresa deverá fornecer Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) adequados para a atividade exercida e em quantidade suficiente, incluindo obrigatoriamente máscara, para os trabalhadores;  

3 – Distanciamento: sigam as regras de forma efetiva, mantendo um distanciamento adequado entre as pessoas, de 2 metros (4 metros ²), em todas as situações. Lembre-se, sua saúde é o seu bem mais precioso. Cabe criar demarcações no chão, com fita de alta adesão, indicando o distanciamento em filas;   

4 – Lotação máxima: Criar barreiras físicas na entrada dos estabelecimentos que podem receber clientes, permitindo apenas a entrada de pessoas segundo a capacidade máxima permitida. Na porta do estabelecimento deve estar afixado informativo sobre uso de máscaras e lotação máxima dos estabelecimentos (lotação máxima de uma pessoa a cada 25m²);  

5 – Consumo de Alimentos: Não será permitido o consumo de alimentos dentro dos estabelecimentos;  

6 – Apresentação de sintomas por funcionários: Caso algum funcionário apresente sintomas (febre, dores de cabeça ou no corpo, tosse, dificuldades de respirar, perda de paladar e olfato, entre outros) recomenda-se que o funcionário procure uma unidade de saúde, conforme os horários estabelecidos por cada uma, para orientações, consulta médica e realização de teste (se necessário);  

7 – Funcionamento dos demais estabelecimentos: Todos os estabelecimentos que não se encontram nas categorias listadas acima deverão permanecer fechados até próximas orientações;  

8 – Igrejas e templos religiosos: as igrejas e templos religiosos não poderão realizar missas ou cultos presenciais. Será possível a realização de transmissões online (com equipe reduzida, apenas o indispensável para transmissão), havendo necessidade do uso de máscaras, distanciamento e higienização. Os templos poderão permanecer abertos, contando que haja higienização frequente do ambiente.  

Caso haja descumprimento das recomendações divulgadas pela Secretaria de Saúde ou pela Prefeitura de Martinho Campos, os proprietários dos estabelecimentos ficam sujeitos às penalidades descritas no Decreto Municipal nº 002, de 04 de janeiro de 2021.  

Esta fase da pandemia em que vivemos no momento não será superada sem a ampla adesão da sociedade, por isso, é necessário que todos os habitantes colaborem e que as orientações acima sejam cumpridas. Quanto mais adesão às orientações tivermos, mais perto estaremos da transição para as fases menos rigorosas do plano, onda amarela ou onda verde.  

As dúvidas sobre as informações emitidas nos Decretos Municipais ou neste informativo podem ser esclarecidas entrando em contato diretamente com a Secretaria de Saúde, pelos telefones: 3524-1851 ou 3524-2681.  

Informações mais completas podem ser obtidas também no site do Minas Consciente:  

https://www.mg.gov.br/minasconsciente  

Estamos de prontidão para sanar as dúvidas da população, sempre que necessário! 

 

Martinho Campos, 05 de janeiro de 2021 

______________________________ 

Jakline Aparecida Lemos Pereira dos Santos 
Secretária de Saúde 

 

Compartilhar